Entenda a reestruturação na família de certificação Professional Scrum Master (PSM) da Scrum.org

Olá pessoas,

Antes de mais nada eu gostaria de agradecer o WordPress, por ceder este espaço para que a gente possa, em alto nível, discutir a gestão de projetos (e demais assuntos) no Brasil… (protocolos e blá blá blás cumpridos, vamos ao que interessa)

Esta semana (26/07/2016) a Scrum.org, por intermédio de seu CEO Dave West, anunciou mudanças na família de certificação PSM (Professional Scrum Master). O objetivo principal da reestruturação, partiu da necessidade que a organização vislumbrou, em atender os mais variados níveis de conhecimento dos profissionais praticantes do framework Scrum.

Ken Schwaber — cocriador do Scrum, Fundador e Presidente da Scrum.org — tem escrito recentemente uma série de artigos (parte 1 e parte 2) mostrando a importância e a sua motivação em manter os programas de certificação que atualmente são oferecidos pela sua organização.

Resumidamente, Ken Schwaber entende que a importância de se manter um programa de certificação sério, se dá basicamente por três razões:

  1. Demonstrar de certa forma que profissionais compreendem o framework Scrum;
  2. Avaliar se os profissionais que se submeteram e obtiveram êxito nos exames de certificação, aprenderam realmente as regras do framework com os materiais e livros (auto-estudo) e/ou com os cursos oferecidos pela organização e parceiros;
  3. Fornecer ao mercado a garantia de que, ao contratar um profissional certificado, estará contratando um profissional com conhecimento suficiente sobre o framework Scrum.

Nota: Ken Schwaber explica ainda, nos artigos escrito para a AppDeveloper Magazine (parte 1 e parte 2), o porque deixou a Scrum Alliance e suas críticas as certificações da organização presidida pelo Jeff Sutherland.

PSM I e II (Professional Scrum Master)

Para aqueles que se submeteram ou pesquisaram sobre a certificação PSM I, sabem que este exame tem como objetivo principal atestar os conhecimentos básicos sobre o framework. Desta forma, ela não assegura que os profissionais certificados PSM I, possuem conhecimentos práticos suficientes, de maneira a ajudar as organizações a implementar o Scrum com sucesso. Neste contexto, a Scrum.org passou a considerar a necessidade de criar certificações mais avançadas… e para atender a esta necessidade, instituiu a PSM II.

A PSM II era até então considerada uma das certificações mais complexas do mundo Scrum. Por apresentar avançadas questões dissertativas e de múltipla escolha — e por ser um dos pré-requisitos (junto com a PSM I) para aqueles que desejam se tornar um Trainer (PST) — os profissionais que obtiveram êxito no exame, conseguiram comprovar habilidades relevantes na aplicação do Scrum, em diversas situações complexas do mundo real, pois este era o objetivo da PSM II.

Por outro lado, muitos profissionais passaram a emitir feedbacks negativos acerca destas certificações alegando que: 1) A PSM II era muito difícil e eles não tinham como objetivo se tornar um Trainer, mas gostariam de testar seus conhecimentos além do nível básico (PSM I). 2) Eles gostariam de avaliar seus conhecimentos e suas lacunas, numa espécie de inspeção e adaptação — a fim de se especializar cada vez mais no framework — e para tanto, gostariam de testar seus conhecimentos, submetendo-se a um exame mais bem elaborado e complexo que a PSM I.

PSP (Professional Scrum Practitioner)

Com base nestes feedbacks a Scrum.org lançou, inicialmente, a certificação PSP (Professional Scrum Practitioner) que vis à vis a PSM I e a PSM II, se apresentou como uma certificação de nível intermediário, atendendo desta forma, aos anseios dos profissionais que gostariam de uma certificação com essa característica. Entretanto, após algumas experimentações, e alguns certificados emitidos (eu fui um deles… ler mais sobre aqui) a organização notou uma certa confusão nas certificações e decidiu iniciar a reestruturação da família de certificação PSM, tema central deste post.

Eis a reestruturação…

Para que tivessem uma sequência lógica, indicando claramente os níveis de conhecimento e senioridade… A PSM I permaneceu inalterada… a PSP passou a se chamar PSM II, tornando automaticamente todos os certificados PSP em certificados PSM II. A PSP foi descontinuada… e todos os certificados PSM II tornaram-se automaticamente certificados PSM III.

board_psm

Com esta reestruturação, a Scrum.org lançou, oficialmente, mais uma certificação no mercado, permitindo assim que os profissionais demonstrem, por intermédio deste válido e reconhecido expediente, seus conhecimentos e habilidades em aplicar as práticas do Scrum em situações do mundo real. Desta forma temos que a:

  • PSM I – Atesta que os profissionais que passaram neste exame de certificação possuem conhecimentos básicos sobre o Scrum;
  • PSM II – Atesta que os profissionais que passaram neste exame de certificação possuem conhecimentos avançados e que têm condições de aplicar o Scrum em situações reais e complexas;
  • PSM III – Atesta que os profissionais que passaram neste exame de certificação possuem profundo conhecimento do framework Scrum e são capazes de aplicar Scrum em escala em contextos complexos dentro de uma organização.

É importante ainda ressaltar que a PSM II passou a ser exatamente o que era a PSP, tanto no formato quanto na quantidade de questões, no timebox e na forma de estudo… portanto se você desejar se tornar um certificado PSM II, escrevi algumas dicas aqui, que com certeza te ajudarão a obter êxito no exame. :mrgreen:


Disclaimer

Para aqueles que me acompanham aqui no Blog e/ou me conhecem pessoalmente, sabem que sou um entusiasta das certificações, seja elas quais forem, por um único motivo: certificações só agregam na vida profissional de qualquer pessoa. Ponto final.

Em particular, tenho recomendado fortemente as certificações da Scrum.org, por alguns motivos… quais sejam: os exames de certificação da organização são mais qualificados, mais bem elaborados, exigem mais conhecimento daqueles que se submetem a eles… e o principal, não exigem nada além de um valor razoável (não fosse o câmbio) para se submeter aos exames, além de não exigir, como visto nas demais organizações, renovação (US$) da certificação.

(leia aqui uma comparação entre a Scrum Alliance e a Scrum.org)

Bom é isso… dúvidas e perguntas, não hesitem em me escrever.

Saudações. Ψ

 

13 comentários em “Entenda a reestruturação na família de certificação Professional Scrum Master (PSM) da Scrum.org

    • Oi Emerson,

      As dicas que posso te dar para a PSM I são as seguinte: faça o Scrum Open e obtenha 100% de acerto… conheça bem o Scrum Guide, escolha as alternativas que estiverem de acordo com as regras e não se esqueça que o Time de Desenvolvimento é formado por desenvolvedores.

      Ah e lembre-se que a prova é em inglês e o timebox é curto (45 segundos por questão)… portanto, faça bom uso do tempo!

      Abraço e boa sorte!

      Curtir

  1. Pingback: Scrum Alliance ou Scrum.org? | Café com Scrum Master

  2. Pingback: 7 dicas para passar na certificação Professional Scrum Practitioner (PSP) | Café com Scrum Master

  3. Olá Pedro! Consegui Sou PSM I! Obrigado pelas dicas. Tive que ler um livro guia e comprar um simulado. Mesmo assim foi encima da pinta…rs Acertei os 85% necessários. Que prova difícil não? Mas deu certo, obrigado mais uma vez.

    Curtido por 1 pessoa

    • Olá Emerson,

      Parabéns… a PSM I é bem mais elaborada que a CSM, e só o preparo e o auto estudo que você teve q fazer para conseguir sua certificação, já o coloca em um nível acima de muito CSM por aí… continue firme e avançando nos estudos do Scrum e dos demais métodos ágeis…

      Grande abraço e parabéns mais uma vez, os méritos de passar numa prova exigente como a PSM I são todos seus!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: